Publicidade
Pinga Fogo

Projeto de lei que obriga agressor a ressarcir o SUS tramita em urgência

05/12/2018 às 07:24
Show sus agencia 6e2865a8 f5fc 47f7 b725 5e62a3d62524

#Proposto por dois parlamentares do Norte, Rafael Motta (PSB-RN) e Mariana Carvalho (PSDB-RO), o PL 9691/18, que obriga o agressor a ressarcir o SUS por custos com vítimas, tramitará em regime de urgência na Câmara dos Deputados.

#O regime de urgência dispensa exigências, prazos e formalidades regimentais, com exceção da publicação, do quórum e dos pareceres. No caso do PL 9691/18, a tramitação acelerada foi aprovada em plenário.

#Ficou para hoje a análise do Projeto Escola Sem Partido. Sob forte pressão, o presidente da comissão especial Marcos Rogério (DEM-RO)  decidiu suspender a sessão de ontem. Ele  criticou o que chamou de “obstrução física” da oposição.