Publicidade
Sim & Não

PTN: maior bancada vai desidratar

12/08/2016 às 22:23 - Atualizado em 13/08/2016 às 14:43
Show hghjghjghj

As primeiras sondagens de desempenho dos vereadores com mandato mostram que as siglas coligadas à chapa do prefeito Artur Neto (PSDB) vão mesmo desidratar por causa de tantos puxadores de votos juntos. Um dos casos mais críticos, segundo os vereadores, é o da bancada do PTN, hoje a maior da CMM, com seis parlamentares. Segundo dados trabalhados essa semana, o número de eleitos pela sigla em 2016 pode cair pela metade, assim como a segunda maior bancada, a do PHS (5).

Tendência  

PP, PTB, PSD e Pros também são siglas que terão baixas significativas, segundo os números trabalhados pelos parlamentares nos bastidores.

Estudando  

Daniane Mângia Furtado, advogado do governador José Melo (Pros) no TSE, pediu e recebeu, no dia 10, os autos do processo em que o governador solicita que a Justiça reverta a cassação do mandato dele no TRE-AM.

Off  

Uma forte virose deixou José Melo uma semana longe da esteira. Segundo o governador, ele usa o equipamento diariamente. Em setembro, o político completa 70 anos.

Porta fechada 

A coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, informou, ontem, que o Ministério da Fazenda recusa-se a conceder benefícios a estados do Norte e Nordeste em negociação da dívida dos Estados com a União.

Estímulo ao errado 

Como são os que menos devem, governadores do Norte e Nordeste defendem melhor tratamento do governo. Entendem que a negociação da dívida em curso só beneficia estados descuidados com as finanças. O Amazonas é um dos que defendem tratamento melhor.

Outra frente 

Segundo o jornal paulista, a Fazenda se recusa a conceder benefícios adicionais ao Norte e ao Nordeste na proposta de renegociação da dívida dos Estados, mas admite dar incentivos fora do âmbito do projeto que tramita no Congresso.

Espera 

Grupo de deputados da base do Governo espera a definição de Alexandre da Carbrás (PSD) em Parintins para decidir quem eles vão apoiar na eleição para prefeito no município.

Quase certo 

Há a expectativa de que Carbrás jogue a toalha e desista da reeleição. O grupo contava que a desistência fosse anunciada essa semana, mas não aconteceu.

Prato do dia 

O projeto Jaraqui discute hoje, na Praça da Polícia, as eleições municipais em Manaus e o impeachment da presidente afastada, Dilma Rousseff (PT).

Pé no chão 

“Nossas ideias não são coisas de outro mundo, tudo pode ser concretizado e gastando pouco”, do candidato a prefeito de Manaus Silas Câmara (PRB), ao apresentar o plano de governo dele à imprensa.

Normal  

O promotor Edilson Martins arquivou um inquérito contra o deputado estadual e pré-candidato a prefeito de Parintins, Bi Garcia (PMDB). Ele investigava se existia alguma irregularidade na evolução patrimonial do político.

Opinião 

Ao arquivar a investigação, Edilson Martins fez uma defesa do deputado. Disse que é sensacionalismo jornalístico divulgar as declarações de bens de políticos.