Publicidade
Editorial

Que as boas intenções aconteçam

25/12/2016 às 18:55
Show manaus

Em tempo de espalhar desejos e intenções, a propaganda fala do cuidar da cidade e do Estado. Que os votos feitos sejam realizados e Manaus, o Amazonas possam experimentar fases melhores onde o desenvolvimento se concretize proporcionando melhoria de vida para todos os moradores desse Estado, em cada cidade, em cada comunidade.

As dificuldades existentes são possíveis de serem superadas desde que haja boa vontade e determinação política. É notória a doença que transformou possibilidades em crise e  acirrou as disputadas entre os poderes. Quando a ação política passa a ser executada de forma mais restrita, essa tem a capacidade negativa de espalhar-se e criar realidades de profundas dificuldades. É como se cegasse uma parcela dos gestores públicos e da sociedade e focasse naquilo que é pior. O tempo de agora pede sensibilidade e responsabilidade administrativa o que aciona também a exigência do dialogar mais com  as organizações representantes da sociedade.

Há uma força maior forjada na luta e esperança do povo que se  acionada para os bons projetos podem render muito. A crise cultivada será outra coisa se essa força de construção e reconstrução fosse acionada, estimulada como boa prática. E é desse momento onde os desejos e as intenções estão sendo lançados  que se pede pelo olhar mais atencioso para Manaus e toda a sua gente. Que a cidade possa ser mais acolhedora e melhor estruturada e, nas outras 61 cidades, seja possível implementar ações conjuntas que mudem realidades tristes e proporcionem novos momentos.

Quando se constata que as grandes soluções não estão dando conta de oferecer boas respostas, nas pequenas, quase sempre, reside a resposta positiva e mais rápida. Há nesse Estado um povo trabalhador, criativo e que quer superar os obstáculos. Que esses projetos não pomposos possam ser reanimados, com as adequações feitas e a transparência  no uso da verba pública  deixe de ser opcional para ser regra cumprida. O potencial das cidades amazonenses é plural e tem no incentivo aos pequenos projetos a chance de oferecer resultados criativos e economicamente rentáveis tanto porque promovem geração de emprego e renda quanto pelo fato de mobilizarem as forças mais positivas das pessoas em nome de uma proposta com marca comum, assegurar a dignidade das pessoas.