Quarta-feira, 20 de Outubro de 2021
Pinga Fogo

Renan Calheiros pode responsabilizar Bolsonaro por genocídio e pela crise de oxigênio em Manaus


LH3OVG5YMJBC3CLBNPMHYGDOIY_D0B250C2-E1E0-426C-B51F-0326184A52A3.jpg
21/09/2021 às 06:51

# Morte e crise de oxigênio - O relator da CPI da Pandemia, senador Renan Calheiros (MDB-AL), estuda responsabilizar o presidente Jair Bolsonaro por crime de genocídio contra indígenas e pela crise do oxigênio em Manaus. Ele fortaleceu a tese após reunião com juristas do grupo Prerrogativas.

# Denúncia por genocídio - Em entrevista ao portal UOL, ontem, Calheiros afirmou que “estuda paralelamente” a possibilidade da denúncia por genocídio. Neste caso o relatório seria enviado ao Tribunal Penal Internacional, em Haia.

# Relatório - A previsão é de que o relatório seja apresentado nesta quinta-feira. Em maio, a CPI recebeu dossiê da Frente Amazônica de Mobilização em Defesa dos Direitos Indígenas, com relatos em primeira pessoa.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.