Publicidade
Sim & Não

Tática é intimidar, diz Amazon

22/09/2016 às 21:50 - Atualizado em 22/09/2016 às 22:00
Show juizas03333

Em defesa das juízas coordenadoras da propaganda  eleitoral, Lídia de Abreu Carvalho  e Careen Fernandes Aguiar, a Associação dos Magistrados do Amazonas (Amazon) afirmou ontem, em nota, que as magistradas são alvo de uma tática da assessoria jurídica do prefeito Artur Neto (PSDB), que consiste em atacá-las publicamente com o propósito de intimidá-las. A nota foi assinada pelo presidente da Amazon, juiz Cássio André  Borges dos Santos.

Só nos autos.   O advogado Daniel Nogueira, que enviou documento à presidência do TRE-AM queixando-se das juízas, não quis comentar a nota. Disse que como tem feito até aqui, só trata do assunto por meio de ritos processuais.

Na confiança.   Na coletiva em que disse  ser inocente e que não participou de compra de votos em 2014, a empresária Nair Blair afirmou que, por orientação de uma servidora da SSP-AM, recebeu por serviço prestado ao Estado durante a Copa sem assinar contrato.

Rito de medo.  Alegando motivos de segurança, por conta de supostas ameaças à cliente, assessores de Nair Blair distribuíram pulseiras para identificar os profissionais de imprensa que participaram da coletiva.

Por quê?  Em passagem por Manaus, ontem, a ex-senadora Marina Silva (Rede) estranhou o nome político do ex-deputado estadual e candidato a vereador Marco Antônio Chico Preto (PMN), uma vez que ele “não é nem Chico nem preto”.

Aliado.  Presidido por Chico Preto, o PMN compõe a chapa encabeçada por Luiz Castro, da Rede, na disputa pela Prefeitura de Manaus. Do mesmo saco  Falando em Luiz, o candidato disse ontem que tão incompreensível quanto o desvio de verbas destinadas à Saúde é ver mulheres fazendo campanha em Coari para o filho do ex-prefeito do município, Adail Pinheiro.

Veja bem 1. O candidato a vereador do DEM, Kleber Romão, alega que quando diz que uma forma de se evitar o estupro é “não dar mole por aí”, quer dizer que não se deve andar em lugares sabidamente perigosos.

Veja bem 2. Kleber Romão se define como “um cara de direita”, vítima de uma guerra ideológica patrocinada pela esquerda, que de forma organizada tenta manchar sua imagem junto ao eleitorado de Manaus.

Missão.  A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) se encarregou pessoalmente de tentar uma visita da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) a Manaus. A ideia seria que a petista participasse da agenda de campanha do candidato a prefeito José Ricardo (PT).

Lula aqui.  Outro nome que o PT tenta trazer a Manaus é o ex-presidente Lula. O que está confirmado até aqui é a participação de Dilma e Lula em um programa da propaganda eleitoral de José Ricardo.

Sem multa.  A presidente do Procon-AM, Rosely Fernandes, informou ontem que para assegurar o direito do consumidor durante a greve dos bancários, determinou a suspensão na cobrança de multas e juros sobre pagamentos de todas as contas.