ATROPELAMENTO

Mulher atropela o próprio namorado após discussão em Manacapuru

A mulher, tomada por raiva, deu ré com o carro e atropelou o homem que ficou caído debaixo da parte traseira do veículo

Joana Queiroz
online@acritica.com
13/07/2022 às 14:10.
Atualizado em 13/07/2022 às 14:10

Uma mulher que teve a identidade preservado pela polícia, foi presa ontem (12) pela Polícia Civil de Manacapuru (Região Metropolitana de Manaus)  por ela ter atropelado espontaneamente o namorado. Ele  foi socorrido por ela e não corre risco de morte.

De acordo com o delegado Rodrigo Torres, a mulher foi autuada pelo crime de lesão  corporal gravíssima e depois de ter passado pela audiência de custódia foi liberada para aguardar o julgamento em liberdade.

De acordo com informações de testemunhas, o casal é namorado. Eles estavam em um veículo dirigido por ela. Os dois tiveram um discussão e ele saiu do veículo e para evitar maiores problemas.

A mulher, tomada por raiva, deu ré com o carro e atropelou o homem que ficou caído debaixo da parte traseira do veículo.

De acordo com o delegado, no mesmo momento ela arrependeu-se é o socorreu levando-o para o hospital. “Mandamos uma equipe só hospital era encontrou a suspeita  dando assistência a vítima e lá mesmo ela foi presa” contou Torres.

Na delegacia a mulher  confessou o crime disse que estava arrependida, que não teve a intenção de produzir a lesão no namorado.

Conforme o por ela ter prestado socorro de forma eficaz à vítima. O inquérito está sendo concluído e a mulher está à disposição da Justiça. Há informações não confirmadas pelas autoridades, que a vítima será removida para capital  a fim de dar  continuidade aos tratamentos.

Assuntos
Compartilhar
Sobre o Portal A Crítica
No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.
Portal A Crítica - Empresa de Jornais Calderaro LTDA.© Copyright 2022Todos direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por