Segunda-feira, 12 de Abril de 2021

Doação de vacinas de São Paulo para o Amazonas está virando lenda urbana

As 50 mil doses de Coronavac prometidas há quase dois meses pelo governador João Dória seguem sem qualquer previsão de chegada ao Amazonas


coronavac_BCE03D5B-BA5A-4BE5-9C8C-D47A5D514E43.jpeg

Prometidas desde 17 de janeiro - e "reprometidas" em 11 de fevereiro pelo governador paulista João Dória, as 50 mil doses vacinas que o Governo de São Paulo mandaria para o Amazonas ainda estão só no campo da promessa.

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) informou, nesta quinta-feira, que ainda não recebeu nenhuma dose de vacina contra covid-19 enviada pelo Governo de São Paulo - e que não há qualquer previsão para que isso aconteça.

A FVS-AM afirmou que o Governo de São Paulo informou, ao Governo do Amazonas, que as 50 mil doses a serem destinadas ao Amazonas estão em fase de produção, após a chegada ao Brasil de um avião com 5,4 mil litros de insumos para a produção do imunizante pelo Instituto Butantan.

A demora é tanta que o governador de São Paulo pode virar 'persona non grata' no Estado, no que depender da vontade de deputados estaduais. 


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.