Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020

Silas afirma que aborto não foi melhor saída

Parlamentar falava sobre caso da menina estuprada no Espírito Santo


silas_camara_05D5700A-7B4B-41D7-859A-36262BF490A4.jpg

O deputado federal pelo Amazonas Silas Câmara (Republicanos), líder da bancada evangélica em Brasília,  usou a tribuna da Câmara, ontem, para afirmar que se a criança de 10 anos que engravidou ao ser estuprada pelo tio no Espírito Santo tivesse esperando um pouco mais, “a cesariana poderia ter salvo duas vidas”.

“Terminaram matando uma vida no ventre e prejudicando muito uma outra vida, que foi a menina de dez anos, que passou por esse trauma todo”,  disse Silas.      

O parlamentar aproveitou o discurso para, junto com os demais deputados da bancada evangélica, pedir urgência na tramitação de um projeto de lei de 2013 que aumenta a pena para os crimes de estupro. “É uma forma de a Casa dar uma resposta a essa situação”, declarou. 

 

Clique aqui para ler toda a coluna Sim & Não de hoje.


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.