Terça-feira, 19 de Janeiro de 2021

Tony Medeiros vai conversar com Bi Garcia para definir ida à Assembleia

Atual vice-prefeito de Parintins pode assumir vaga deixada por Josué Neto, que vai para o TCE


9C1AC4A0-BDD5-44C6-8A93-21C80124AAD4_4EE44BC7-9410-4264-BFF1-25AA7B48051F.jpeg

Vice-prefeito de Parintins e reeleito para um segundo mandato, Tony Medeiros (DEM) afirmou que vai conversar com o prefeito Bi Garcia antes de definir se assume ou não uma vaga na Assembleia Legislativa do Amazonas para dois anos como deputado estadual.


Segundo suplente nas eleições de 2018, Tony Medeiros será chamado assim que Josué Neto deixar a Assembleia para assumir o posto de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), para o qual foi indicado hoje. 


“Faço parte de um grupo político liderado pelo prefeito Bi Garcia então terei que ouvi-lo. Então minha decisão depende e passa pelas mãos do prefeito”, afirmou Tony Medeiros. “É só aguardar mais um pouquinho, a coisa vai acontecer e só posso dar uma resposta após essa conversa”.

Falando em “compasso de espera” por uma decisão, Tony Medeiros deixou no ar que não só Parintins, mas a região do Baixo Amazonas em geral poderia ganhar caso ele vire deputado estadual. “Reconheço que a minha região não tem representação na Assembleia e isso nos causa algumas dificuldades”. 
Ele ainda parabenizou o deputado Josué Neto pela indicação para o TCE-AM e agradeceu aos votos recebidos não só para a vice-prefeitura como também aqueles de 2018, que o colocam nessa condição no momento.

Segundo suplente, Tony fica “na boca do gol” porque Nejmi Aziz (PSD), a primeira suplente, assumirá no próximo ano já que Augusto Ferraz (DEM) foi eleito prefeito de Iranduba. Caso Tony não assuma, Pastor Antônio Alves, que se candidatou em 2018 pelo PRB, será a bola da vez.


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.