Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020

Vereador decreta 'extinção' de profissões e arranca risadas de colegas

Segundo Raulzinho, em 10 anos não haverá mais engenheiros, pilotos de avião, médicos e jornalistas


RAULZINHO__A5EB4AA4-F48D-40DE-B3DE-8AD13782C9F5.jpg Foto: Tiago Correa/CMM

Durante discussão sobre o futuro da educação no Brasil, ocorrido hoje na Câmara Municipal de Manaus, o vereador Raulzinho (PSDB) pediu cinco minutos de fala para "fazer um alerta", que segundo ele seria polêmico mas de extrema importância.

O parlamentar falou do futuro do mercado de trabalho e usando como base pesquisas que ele fez no Google, afirmou que daqui a 10 anos profissões como engenheiro civil, piloto de avião, médico e jornalista serão extintas. "Já pensou você  deixar sua vida inteira em uma faculdade de um curso que não vai existir mais? O que as universidades estão fazendo é estelionato", disse. 

"Têm universitários estudando, pagando por um sonho e no final só ficarão com um diploma porque a atividade não terá mais significado", afirmou. Segundo o vereador, o discurso dele foi baseado em pesquisas no Google e no site da "Universidade de Oxford, a grande faculdade dos Estados Unidos" (Oxford fica no Reino Unido).

"Tem gente cursando a universidade de engenharia e daqui a 10 anos a profissão nem vai mais existir. Isso é um estelionato pois estão oferecendo um curso que será extinto". Enquanto falava, vários vereadores riam do parlamentar, que então reafirmou que seu alerta foi baseado em pesquisas. 

Raulzinho também disse que a profissão de piloto não será mais necessária. "A robótica vai fazer tudo. O piloto hoje só serve para levantar voo e aterrissar. Na engenharia civil também vai ser assim, você vai colocar o tamanho do terreno e a robótica vai fazer todo o projeto". 

Ele foi mais além e disse que até a profissão de médico não será mais necessária. "Os atendimentos serão todos feitos por telefone, pela robótica". E completou: "Sua profissão, vereadora Mirtes Salles, também será extinta". Ele se referia ao jornalismo. E concluiu: "Não é o que o sistema político quer, é a robótica, o avanço, a indústria 4.0 é inevitável".


Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.