Sábado, 17 de Agosto de 2019
SÉRIE D

Manaus perde para o Caxias por 1 a 0 e sonho do acesso segue vivo

Vitória simples no jogo de volta, em Manaus, leva a decisão para os pênaltis, enquanto vitória por 2 gols dá vaga inédita ao Gavião; Caxias perdeu pênalti no último minuto da partida



WhatsApp_Image_2019-07-14_at_17.11.16_E4B47B06-9E19-4DF5-92FC-F2588505F761.jpeg (Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias)
14/07/2019 às 17:23

Em duelo tomado pela neblina da Serra Gaúcha, o Manaus saiu derrotado por 1 a 0 para o Caxias-RS, no primeiro jogo das quartas de finais da série D, na tarde deste domingo (14), no estádio Centenário, em Caxias do Sul-RS.  Quem sair vencedor ao final do confronto garante uma vaga na Série C.

Michel anotou o gol do Falcão Grená ainda na primeira etapa. Com o resultado o Gavião do Norte vai precisar reverter o placar por dois gols de diferença se quiser garantir o acesso à Série C, na Arena da Amazônia, no próximo sábado (20), a partir das 15h. Em caso de empate a vaga fica com o time gaúcho, mas se a equipe amazonense vencer pelo placar mínimo, a decisão vai para as penalidades.

O jogo

O confronto começou bastante estudado, com o Falcão Grená rodando a bola pelos lados do campo, para buscar espaço no setor defensivo do Gavião do Norte. Aos 7 minutos Eduardo Diniz cobrou escanteio a favor do Caxias, e Thiago Sales apareceu de elemento surpresa e dentro da grande área cabeceou por cima da meta de Jonathan. Aos 12 minutos o Caxias abriu o placar, após erro de passe na lateral de Negueba. Na recuperação da posse de bola, o time gaúcho aproveitou o contra ataque puxado por Foguinho no setor direito, que tocou para Michel na grande área empurrar a bola para as redes do Verdão da capital. Aos 21 minutos o Manaus apareceu com perigo. Negueba fez cruzamento e na pequena área Rossini escorou de cabeça, mandando a bola perto do segundo poste do goleiro Lee.

Com 30 minutos de partida, o Caxias dominava as ações explorando os lados do campo, enquanto o Manaus buscava se fechar atrás. Aos 32 minutos, o Gavião teve lance perigo com chutão de Negueba, que sobrou pra Mateus Oliveira na entrada da grande área, mas na hora de finalização, foi assinalado o impedimento do atacante esmeraldino.

Aos 36 minutos o Manaus teve mais uma chegada forte, na jogada de Rossini pela esquerda, que foi a linha de fundo e cruzou pro arremate de primeira de Vandinho, por cima da meta grená. Aos 40 minutos foi a vez do Caxias ameaçar. Mais uma vez na cobrança de escanteio de Eduardo Diniz pela direita, Thiago Sales subiu sozinho e cabeceou pra fora. Aos 42 minutos o tima gaúcho chegou de novo, no cruzamento de Marabá pela esquerda. Muriel cabeceou por cima do gol de Jonathan.

Na volta do intervalo a postura das equipes continuou a mesma do primeiro tempo. O Manaus teve boa chegada aos 4 minutos com jogada de Rossini, que recebeu passe de Mateus Oliveira na entrada da grande área  e chegou finalizando cruzado, para defesa do goleiro Lee. No minuto seguinte, o Caxias teve gol anulado por impedimento. No cruzamento de Eduardo Diniz da direita, e o centro avante Muriel mandou pro fundo do gol.

Com 9 minutos a neblina tomou conta do estádio Centenário deixando o duelo às cegas.  O relógio marcava 30 minutos, e a partida seguia sem objetividade dos dois lados. Na reta final aos 45 minutos foi assinalado pênalti para o Caxias por falta em cima do atacante grená Márcio Jonathan. Na cobrança, Rafael Gava mandou a bola pra fora,  na última chance de gol da partida.

Receba Novidades

* campo obrigatório
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.