Sábado, 14 de Dezembro de 2019
PROTESTO

Caso Flávio: em reconstituição, familiares e amigos cobram justiça

Policiais e suspeitos do crime estão na casa de Alejandro Valeiko, em condomínio de luxo, participando da reconstituição das cenas que antecederam o assassinato do engenheiro Flávio Rodrigues



WhatsApp_Image_2019-11-18_at_17.12.16_CAD7BB5E-CB5B-44FD-B779-0D2283295B75.jpeg (Foto: Eraldo Lopes)
18/11/2019 às 17:39

Familiares e amigos do engenheiro Flávio Rodrigues fizeram um protesto em frente a entrada do Condomínio Passaredo, na zona Oeste de Manaus, na tarde desta segunda-feira. Pedindo justiça, eles abordaram os carros da polícia quando os suspeitos chegavam ao local onde está sendo feita a reconstituição do crime, ocorrido em 29 de setembro.  

A suspeita é de que Flávio tenha sido assassinado no local, na casa onde mora Alejandro Valeiko, filho da primeira-dama de Manaus, Elizabeth Valeiko. Alejandro é um dos cinco presos preventivamente por conta do crime.



A irmã da vitima, Mary Lee , disse que a  presença do grupo no local tem como objetivo reforçar o clamor pela solução do caso. "Nosso clamor não vai parar. Estamos aqui para mostrar que estamos empenhados. Estamos clamando para que  hoje  saia o parecer do caso. Que  eles deem um parecer para a gente. A polícia esta  empenhada,  mas a verdade tem que vir deles, dos que  estiveram aqui. Nós não vamos parar. Vamos acompanhar todos os acontecimentos",disse ela, após a entrada do comboio policial no condomínio.

O grupo entrou em carros caracterizados e algumas viaturas da policia militar. Em um dos carros foi possível ver Mayc Vinicius Teixeira, um dos suspeitos de participação no crime, com o uniforme  da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária. Ele também está preso preventivamente.

A chegada de Alejandro Valeiko à casa onde teria acontecido o crime gerou tumulto e revolta dos familiares que aguardavam no local. O carro onde ele estava passou na rua de acesso ao condomínio em alta velocidade e foi o que ficou menos tempo na revista da guarita.

Dentro do condomínio a movimentação estava intensa, de acordo com moradores do local que preferiram não se identificar.

 A reconstituição das cenas que deram início ao ‘Caso Flávio’ começou às 16h e  não tem hora para terminar, segundo informações preliminares da polícia. O ponto de partida dos trabalhos é a casa onde morava Alejandro Valeiko.

News 67871831 2375776725837034 8549020935401766912 n b8a48296 b506 45ea 8ef1 41a701c3e456
Repórter de Cidades
Formada em 2010 pela Uninorte, é pós-graduada em Assessoria de Imprensa e Mídias Digitais pela Faculdade Boas Novas. Repórter de Cidades em A Crítica desde 2018.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.