Terça-feira, 21 de Maio de 2019
APURAÇÕES

Ex-desembargador Rafael Romano depõe em inquérito que apura denúncia de estupro

Depoimento aconteceu na manhã de hoje (5) na Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca). Romano é acusado pela neta de estuprá-la desde os 7 anos



Romano.jpeg
Ex-desembargador deixa a delegacia acompanhado de dois advogados (Foto: Euzivaldo Queiroz)
05/04/2018 às 12:05

O ex-desembargador Rafael Romano compareceu na manhã desta quinta-feira (5) à Delegacia Especializada em Proteção a Criança e Adolescente (Depca), em Manaus, onde foi ouvido por mais de uma hora no inquérito que apura uma denúncia de estupro feita contra ele pela neta, uma adolescente de 15 anos de idade. A jovem acusa o avô de tê-la estuprado desde os 7 anos de idade.

Romano chegou cedo à delegacia acompanhado de dois advogados. Ele foi ouvido pela delegada Juliana Tuma, titular da Depca, e deixou a delegacia às 11h49. Ele não quis falar com a imprensa.

A denúncia contra Romano foi formalizada no Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) pela mãe da adolescente, a advogada Luciana Pinheiro, que após a denúncia tornou público o caso por meio de redes sociais .

De acordo com com a denúncia, o ex-desembargador Rafael Romano abusava da neta desde quando ela tinha 7 anos de idade. A delegada Juliana Tuma não quis falar sobre o conteúdo depoimento do ex-desembargador, dizendo que as investigações correm em segredo de justiça. Na semana passada, Tuma informou que havia pedido a prorrogação do prazo do inquérito por mais 30 dias.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.