Publicidade
Manaus
TRANSFERIDA

Mulher que teve 90% corpo queimado pelo marido tem estado gravíssimo

Ela foi transferida para Manaus e respira com a ajuda de aparelhos. O caso aconteceu em Parintins e o suspeito do crime continua foragido 03/10/2017 às 14:59 - Atualizado em 03/10/2017 às 15:13
Show 98
Foto: Arquivo A Crítica
Vinicius Leal Manaus (AM)

A autônoma de 39 anos que teve 90% do corpo queimado pelo marido no município de Parintins, a 369 quilômetros de Manaus, está em estado gravíssimo no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, na capital amazonense. Ela foi transferida Manaus e respira com a ajuda de aparelhos.

As informações foram confirmadas pela assessoria de imprensa do Hospital 28 de Agosto. Segundo a unidade de saúde, a autônoma sofreu queimaduras de 2º e 3º graus e atualmente está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Centro de Tratamento de Queimados.

O crime aconteceu na madrugada de ontem, segunda-feira (2), por volta das 3h, em uma casa na rua Bacaba, 2ª etapa do bairro Itauna, em Parintins. Segundo a polícia, o suspeito do crime, um homem de 25 anos, jogou combustível na vítima e depois ateou fogo nela. A mulher foi socorrida por vizinhos e levada ao Hospital Regional Jofre Cohen, onde estava desde então.

Segundo a delegada Alessandra Trigueiros, titular da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Parintins e responsável por investigar o caso, o motivo do crime foi o desaparecimento de duas espingardas de propriedade do suspeito. O homem confrontou a vítima sobre o sumiço das armas e depois cometeu o crime brutal.

Após a tentativa de homicídio, o suspeito fugiu e até o momento continua sendo procurado pela polícia. A assessoria de imprensa da Polícia Civil ainda não divulgou a identidade e a foto do foragido. “As investigações em torno do caso seguem em sigilo”, divulgou a polícia.

Publicidade
Publicidade