Publicidade
Cotidiano
ATRASO

Chuva atrasa buscas por turista que desapareceu ao cair em cachoeira do AM

Segundo os bombeiros, o local onde a moça desapareceu é de difícil acesso e, com a forte chuva, as condições ficam ainda ainda mais inseguras 10/07/2018 às 09:36 - Atualizado em 10/07/2018 às 09:39
Show 48
As buscas pela turista carioca começaram ontem (9) (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)
acritica.com Manaus (AM)

A chuva da manhã desta terça-feira (10) atrasou o início das buscas pela turista carioca Michelle Moreno, 22, que desapareceu após cair na Cachoeira do Santuário no município de Presidente Figueiredo (a 125 km de Manaus), enquanto tentava tirar uma "selfie" no local. Dois mergulhadores e quatro guardas municipais atuam na área.

Segundo o sargento Denis Ferreira, do Corpo de Bombeiros, o local onde a moça desapareceu é de difícil acesso e, com a forte chuva, as condições ficam ainda mais inseguras para o trabalho da corporação. "A chuva permanece forte, choveu muito durante a noite e o volume da água aumentou consideravelmente. No dia de ontem, eles haviam colocado uma rede para que, caso o corpo fosse arrastado pelas águas, ele ficasse preso naquele ponto. A chuva dificulta o trabalho", disse Denis.

O Corpo de Bombeiros começou a procurar Michelle na manhã de ontem (9). A família dela está em Manaus e deve se descolar para a cidade de Presidente Figueiredo.

Publicidade
Publicidade