Publicidade
Manaus
FUGA

Após 48 horas, nenhum dos 35 fugitivos do CDPM 2 é recapturado, diz Seap

Seis fugitivos já haviam participado da fuga em massa durante a rebelião de janeiro de 2017. A direção da cadeia foi afastada por suspeita de facilitação 14/05/2018 às 10:10 - Atualizado em 14/05/2018 às 10:23
Show cdpm2
Foto: Arquivo/AC
acritica.com Manaus (AM)

Após mais de 48h depois da fuga de 35 presos do Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM 2), localizado no Km 8 da rodovia federal BR-174, nenhum preso foi recapturado, informou a Secretaria de Estado de Administração (Seap). Os detentos que fugiram na manhã do último sábado (12) são de alta periculosidade e foram condenados por crimes graves.

Inicialmente, a Seap havia confirmado a fuga de 25 detentos, no entanto, após outra contagem, o número subiu para 35.  Entre o grupo de detentos está o sanguinário Wellignton Cardoso dos Santos, de 24 anos, o “Mano Kaio”, um dos maiores nomes do tráfico no Amazonas.

Após a fuga, a direção do presídio foi afastada pela Seap pela suspeita de facilitação de funcionários da cadeia. O caso é apurado pelo Ministério Público do Estado (MPE-AM).

O secretário da Seap, coronel Cleitman Coelho, explicou que esse foi o quarto túnel construído pelos detentos do pavilhão 5 da unidade desde quando o presídio foi inaugurado, em 2017. O túnel tinha dois metros de profundidade e cinco de comprimento e foi tapado ainda no sábado (12) por agentes do governo.

A ocorrência foi repassada ao Sistema de Segurança Pública e à Força Nacional de Segurança, com os dados e fotos dos 35 detentos para as buscas dos foragidos. Dos foragidos, seis deles haviam participado da fuga em massa de janeiro do ano passado.

Caso recente

Há dois meses, em março, um túnel foi encontrado no pavilhão 5, do CDPM 2. A escavação foi descoberta durante uma vistoria dos servidores da Seap e agentes da Umanizzare Gestão Prisional durante o procedimento de tranca na unidade, após denúncia anônima.

Veja a lista de fugitivos: 

Publicidade
Publicidade