Quinta-feira, 23 de Maio de 2019
ECONOMIA

Palestra sobre liberalismo econômico marca lançamento do Instituto ProAmazon

Objetivo da instituição é promover o ideal liberal como instrumento para o crescimento regional. Empresário Jaime Benchimol disse que Brasil aumentará produtividade com o modelo defendido pelo ministro Paulo Guedes



proamazon_17EB2A23-E9E8-4EB7-9D5E-3536B91CD64B.JPG
Foto: Jander Robson
02/04/2019 às 21:46

O liberalismo econômico e suas vertentes foram o tema de uma palestra ministrada pelo empresário Jaime Benchimol, nesta terça-feira (2), durante o coquetel de lançamento do Instituto Prosperidade Amazônica (ProAmazon), instituição que faz parte da Associação PanAmazônica. O lançamento ocorreu no Boken Café Store, no bairro Parque Dez, na Zona Centro-Sul de Manaus.

Benchimol iniciou a palestra dizendo aos convidados que o liberalismo econômico - modelo defendido pelo ministro da Economia Paulo Guedes - vai aumentar a produtividade, inovação e competitividade do Brasil e argumentou que o único caminho para o País crescer é por meio da ampla concorrência. 

“Não resta dúvida de que estamos no caminho certo ao abraçarmos os ideais do liberalismo econômico. O Brasil começou a andar de alguma forma” analisou.

Regionalizando o tema, o empresário falou sobre a dificuldade em manter o modelo Zona Franca de Manaus e aprimorar outros modelos que hoje ainda não são tão explorados, como agricultura, piscicultura, turismo e mineração. Além disso, o direito de explorar a floresta e utilizar os recursos para aumentar o desenvolvimento.

 “O objetivo é criar prosperidade para que a prosperidade reduza a pobreza e a sociedade, como um todo, se beneficie. Quando se reduz as desigualdades vai para os programas sociais, paternalistas. Isso não quer dizer que o liberal não tenha coração, mas ele propõe a prosperidade e, a partir daí, explode a filantropia de natureza social e individual”, explicou.

ProAmazon

O Instituto nasceu para dar foco na prosperidade econômica. O objetivo é aproveitar e utilizar a rede de associados da Associação PanAmazônica para realizar atividades de promoção, em toda a Amazônia Ocidental, do ideal liberal como instrumento para o crescimento regional, o que deve ser concretizado por meio de cursos, palestras, treinamentos e outros recursos.

Além disso, visa estimular uma mentalidade fortemente liberal, empreendedora e produtiva nas sociedades amazônicas, supondo que a mudança de mentalidade seja um caminho para quebrar a inércia socioeconômica da região e o engessamento ideológico, burocrático e regulatório.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.