Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019
DAS ALTURAS

Satélite que caiu em Coari é um balão meteorológico do Google, diz Sipam

Equipamento intrigou moradores da comunidade Bom Jesus que testemunharam a queda do objeto e utilizaram canoas para trazer o satélite até a margem da comunidade



gallery_85947c21-08c0-41c8-a6f9-9b4db8979256_B84AD4C7-5AAC-42BD-94EE-3702942DAF39.jpg Foto: Divulgação
27/09/2019 às 10:01

Um satélite artificial caiu no Rio Solimões por volta das 13h de quarta-feira (25), nas proximidades da comunidade Bom Jesus, que fica localizada próximo ao município de Coari (distante 363 quilômetros de Manaus), se trata de um balão metereológico do Google. A informação foi confirmada pelo Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam).

De acordo com o órgão de vigilância, a descida do equipamento foi autorizada pelo Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (CINDACTA- 4). 

Ribeirinhos que testemunharam a queda do objeto utilizaram canoas para trazer o satélite até a margem da comunidade.

Ao analisarem o incomum objeto, os moradores da comunidade identificaram diversos equipamentos eletrônicos, como câmeras, painéis solares, baterias, fios, entre outros, além de adesivos com bandeiras de diferentes países.

Intrigados



Segundo o ex-vereador de Coari, Adenilson Bonfim, que possui uma empresa de transportes fluviais, um de seus barcos de recreação estava voltando do município de Tefé, pelo Rio Solimões, quando, ao passar pela comunidade, avistou os ribeirinhos com o estranho objeto nas margens da comunidade.

“O objeto foi arriando devagar na água, não caiu de uma vez. O caso deixou os moradores bastante curiosos, já que não é todo dia que algo desse tamanho cai do céu, ainda mais em uma comunidade distante. O local só é possível ser acessado por meio dos rios”, comentou.

*Colaborou Cley Medeiros

News pedro01 9f97d6e2 e058 4e63 8ce7 e934cf255a3d
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.