Publicidade
Entretenimento
MÚSICA

Banda Blue Birds faz aniversário de 51 anos e vira Patrimônio Cultural Imaterial

No Teatro Amazonas haverá dois momentos: às 18h inicia o momento da outorga, destinada aos políticos e convidados; e às 18h30 as portas do teatro se abrem para o público 13/06/2018 às 14:45
Show blue
(Fotos: Divulgação)
Laynna Feitoza Manaus (AM)

A banda Blue Birds comemora 51 anos de história em grande estilo. No show que fará no Teatro Amazonas no próximo domingo (17), o grupo receberá o título de Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial. O autor da propositura foi o deputado Bosco Saraiva, que o fez pela grande contribuição da tradicional banda de baile à sociedade amazonense.

De acordo com Beto Gomes, um dos integrantes da banda, a conclusão da propositura foi feita pelo deputado Mário Bastos. No Teatro Amazonas haverá dois momentos: às 18h inicia o momento da outorga, destinada aos políticos e convidados; e às 18h30 as portas do teatro se abrem para o público assistir ao concerto, que terá o pré-show da banda Overload e que será gratuito.

Segundo Gomes, a banda toca quase cinco horas por baile, e tem grande história no cenário do entretenimento amazonense. “Durante 32 anos fizemos os eventos do Tropical Hotel, desde a inauguração até os Bailes do Hawaii, do Réveillon, de Terça-Feira Gorda. Nós temos 16 músicos, e tocamos marchinhas de Carnaval, forró, pagode, o que estiver tocando por aí”, explica o músico.

O repertório do show de aniversário no Teatro Amazonas vai reunir sucessos dos anos 60, 70 e 80. “O auge da produção da música mundial e da brasileira”, acrescenta ele. “Vamos fazer Bossa Nova e Jovem Guarda em alguns momentos. Vai ter músicas do Frank Sinatra, dos Beatles, do Queen, Rolling Stones, e muita discoteca, que foi o que marcou o mundo. O ‘gran finale’ do show vai ser o Carnaval, que é o carro-chefe da banda”, adianta Beto.

Motivos

Ainda de acordo com o músico, vários são os aspectos que fazem a banda merecer o título de Patrimônio Cultural. Um deles é o aspecto intelectual: nos 51 anos de banda, mais de 150 músicos passaram por ela. “Desses, 90% deles concluiu seus cursos superiores em outras áreas. Temos a Juliana Lameiras, que é doutora em biologia; o Jackson Colares que é doutor em linguagem digital. Tem médico, advogado, engenheiro, deputado. Há uma gama de músicos que tocaram e são inseridos na sociedade”, comenta Beto.

Outra questão está relacionada ao senso de filantropia praticado pela banda desde o início. Em todos os shows de aniversário da banda, por exemplo, eles doam parte do valor a alguma instituição de caridade. “Nos anos 70, o leprosário do Iranduba foi transferido para a capital. Durante cinco anos, ninguém ia pra lá. Em todo dia de Natal, a banda ia até lá para tocar para os pacientes”, relembra Gomes.

Serviço

o quê: Show de aniversário da banda Blue Birds

quando: Dia 17 de junho, a partir das 18h

onde: Teatro Amazonas (Rua 10 de Julho, Centro)

quanto: Gratuito

Publicidade
Publicidade