Publicidade
Manaus Hoje
RECAPTURADO

Foragido da Justiça desde 2005 debocha da polícia ao ser preso em Manaus

“Todos sabem o meu endereço e não me prendiam porque não queriam”, disse o acusado de homicídio e de assaltar uma agência da Caixa em 1994 14/12/2018 às 11:08 - Atualizado em 14/12/2018 às 11:38
Show f893f064 ba51 42f4 afc9 2cd69891f9f3 c970d54f 80ea 46a2 bfe7 e00a75375607
Foto: Jair Araújo
Joana Queiroz Manaus (AM)

Foragido da Justiça há 13 anos com crimes como assalto e homicídio na ficha criminal, Gracivaldo Carvalho Cardoso, de 52 anos, foi preso em Manaus por policiais da Delegacia Especializada de Homicídios e Sequestros (DEHS), em cumprimento a um mandado de prisão.

Segundo a polícia, ele estava sendo procurado desde 2005, quando cometeu o assassinato de Haydem Barbosa dos Santos, 39, em setembro daquele ano. O crime, de acordo com a polícia, foi motivado por dívida de tráfico de drogas.

Conforme o delegado Orlando Amaral, titular da DEHS, o acusado já tinha passagem pela polícia por assaltar uma agência da Caixa Econômica Federal em 1994 e também estava foragido do Complexo Penitenciário Anisio Jobim (Compaj) desde 2005.

Hoje, na delegacia, demonstrando indignação, Gracivaldo disse que não era fugitivo e que a polícia não o prendia porque não queria. “Todos sabem o meu endereço e não me prendiam porque não queriam”, disse. Ele será encaminhado para uma unidade prisional, que ainda não foi definida.

Publicidade
Publicidade