Publicidade
Manaus Hoje
ESTUPRO

Padeiro de 46 anos é preso por estuprar e engravidar sobrinha de 12 em Manaus

Os abusos sexuais, segundo a polícia, eram frequentes e a menina acabou engravidando 04/12/2018 às 12:37 - Atualizado em 04/12/2018 às 12:38
Show 3f09afde 9fb2 48fc 8c8e 2322f6785216 06a53925 8e1b 4d63 b0ff 92e3cc5b6cca
Foto: Jander Robson
Márcia Monteiro Manaus (AM)

Um padeiro de 46 anos foi preso na manhã de hoje (4) suspeito de estuprar e engravidar a própria sobrinha dele, uma adolescente de 12 anos de idade, em Manaus.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (Depca), o primeiro abuso sexual contra adolescente aconteceu em janeiro deste ano, quando o tio pediu que a vítima fosse comprar um churrasco. De acordo com a delegada, no momento em que garota retornou com alimento o homem a chamou para entrar no quarto e a estuprou.

Durante depoimento à polícia, a vítima disse que, a partir desse dia, se tornaram frequentes os abusos sexuais, sempre acompanhados de ameaças. De lá para cá, a adolescente de 12 anos acabou engravidando.

A mãe da menina, que é irmã do padeiro, informou que só descobriu que a filha estava grávida porque a escola onde ela estuda pediu autorização para que a garota participasse de um torneio de futebol, pois perceberam as mudanças no corpo da estudante.

Com medo da reação dos pais e das ameaças do tio, a vítima disse que havia sido estuprada por um desconhecido. A mãe, então, foi até a Depca, onde a vítima se sentiu segura e contou quem era o verdadeiro pai da criança. Ela já estava grávida de sete meses.

O padeiro confessou o crime e foi indiciado por estupro de vulnerável. Ele será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), presídio localizado no Km 8 da rodovia federal BR-174.

Publicidade
Publicidade