Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020
PROCURADO

Suspeito de matar namorada grávida a facadas promete se entregar, diz defesa

Roberto de Brito está sendo procurado pela polícia após o corpo de Miryam Moraes da Cruz, 21, ter sido encontrado ontem, no igarapé do Mindu. Ela estava grávida de três meses



ccaa0f00-caac-4ba2-9c5a-61c910b9415f_91775CBA-D882-4FC8-AC0A-1EEB69B6E3B4.jpg Foto: Divulgação
17/01/2020 às 22:17

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), informou nesta sexta-feira (17) que a defesa de  Roberto de Brito enviou documento informando uma possível entrega do suspeito – a data não foi divulgada. Ele é apontado como o autor da morte de Miryam Moraes da Cruz, de 21 anos, sua ex-namorada. O corpo dela foi encontrado na manhã de quinta-feira (16), no Igarapé do Mindu, com nove golpes de faca. Ela estava grávida de três meses.

Roberto de Brito já era tido como principal suspeito do crime por parte da polícia, que estava a sua procura. Caso seja confirmado, ele poderá ser denunciado pelo crime de feminicídio. Há indícios de que ele tenha matado a mulher por não aceitar sua gravidez.



Conforme a polícia, Miryam foi morta na ponte. Marcas de sangue eram visíveis na parte que divide a estrutura da ponte e o igarapé. Por volta das 7h, moradores daquela área, que passavam pelo local, viram as marcas de sangue, olharam para o igarapé, avistaram o corpo e acionaram a polícia.

Roberto será encaminhado para uma audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch Reis, na Zona Sul de Manaus, e ficará à disposição da Justiça.

*A matéria foi atualizada neste sábado (18),  às 14h40, para corrigir a informação de que Roberto de Brito havia sido preso.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.