Segunda-feira, 24 de Fevereiro de 2020
APOSTA

Resultado de jogo de futebol causa duplo homicídio no bairro São Francisco

Bruno Nascimento Ferreira e um homem identificado como Caio, inconformados por perder R$ 11 mil em um jogo de futebol, saíram armados à procura do responsável pelo time ganhador da partida. A dupla acabou morta por populares que suspeitaram que eles eram ladrões.



Eraldo_Lopes_7E548E50-1BDF-4905-80E0-5EA938D8FBFD.jpeg Foto: Eraldo Lopes
22/12/2019 às 21:04

Bruno Nascimento Ferreira, 24 anos, e um homem, até o momento identificado como Caio, foram mortos no fim da tarde deste domingo (22), na rua Ataíde Verone, situada no bairro São Francisco, zona Sul de Manaus. De acordo com testemunhas, as duas vítimas fatais inconformadas após perder R$ 11 mil em um jogo de futebol, saíram à procura do responsável pelo time rival, identificado como Thiago, e efetuaram um disparo de arma de fogo contra o homem no beco do Mamão, situado naquela região. 

Os amigos de Thiago, cientes do ocorrido, perseguiram Bruno e Caio. Ao não conseguirem alcançar os dois, os amigos de Thiago alarmaram a população dizendo que Bruno e Caio eram ladrões, segundo relatos de testemunhas. A população conseguiu interceptar Bruno e Caio na rua Ataíde Verone. Populares começaram a desferir golpes contra os dois. Caio, que segundo apurou a reportagem estava em posse de arma de fogo, foi atingido por seis disparos desferidos por um homem ainda não identificado pela polícia.



Delegado de Polícia Civil Guilherme Antoniezzi. Foto: Eraldo Lopes 

Bruno, no entanto, foi agredido por populares, ficou despido na rua e teve várias escoriações pelo corpo, além de ter a cabeça batida diversas vezes contra a sarjeta. Policiais do 1° Distrito Integrado de Polícia (DIP) foram acionados e estiveram no local fazendo o isolamento da área. O Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), assim que realizou o trabalho de perícia, identificou, em um dos bolsos de Bruno, duas porções de maconha, uma pedra de óxi, além de uma pequena quantia em espécie.

De maneira prelimiunar,  o delegado de Policia Civil Guilherme Antoniezzi, plantonista na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), pôde especificar uma possível motivação. "Iremos trabalhar com a linha de investigação baseada em uma briga entre facções, uma vez que os dois eram conhecidos na área e também cometiam alguns crimes", enfatizou o delegado.

O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Thiago foi encaminhado ao Hospital e Pronto Socorro 28 de de Agosto, no bairro Adrianópolis, ainda com vida. O estado de saúde da vítima não foi divulgado. 

Foto: Eraldo Lopes

News fe58c969 f689 427d bdc3 fb9389c2f509 adee0aa5 fa35 42f7 850c 32125f8d473c
Repórter de A Crítica

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.