Terça-feira, 19 de Outubro de 2021
Luto

Velório do 'Bruxo do Amazonas' é marcado por pedido de paz

Moradores do município de Iranduba levaram balões brancos como um pedido de paz contra a onda de violência na região, provocada pelo tráfico de drogas



491DF399-70E9-4562-AB35-0DA411795EC6_DF69F7C3-05A9-4548-B660-A997F839B88A.jpeg Foto: Gilson Mello
10/09/2021 às 11:10

O velório do cantor de forró Romário de Jesus Santiago, 27, o “Bruxo do Amazonas”, foi marcado por um cortejo de motocicletas e protestos silenciosos: moradores do município de Iranduba levaram balões brancos como um pedido de paz contra a onda de violência na região, provocada pelo tráfico de drogas. 

Uma doméstica de 59 anos, que preferiu não se identificar, afirmou à equipe de reportagem que os moradores do local estão com medo de sair de casa. “Não existia isso antigamente. Cada vez tá ficando pior. Quando chega certo horário, ninguém sai de casa. Antes, dormíamos com a porta aberta”, disse. 



Ela afirmou, também, que “sentiu muito” a morte do cantor e que ele foi criado junto dos filhos dela. “Conhecíamos ele desde pequeno. Sentimos muito pelos pais. Eu, principalmente, sinto muito porque ele se criou praticamente dentro da minha casa. Dói muito”, afirmou. 

A doméstica relatou, ainda, que moradores comentam que Romário tinha muitos amigos. Ela foi uma das moradores que compareceu ao cortejo com balões brancos na mão. 

Policiais militares estiveram presentes na localidade. O cortejo partiu com o caixão enquanto moradores observavam-no das proximidades da escola Municipal D. Lina Gomes da Silva e adjacências.

News 6bf8d194 12ee 4a6c 8ab8 29658d0c6750 e69fe602 b00d 41db b967 4526a2cde395
Repórter de A Crítica
Jornalista graduado no Centro Universitário do Norte (UniNorte), que busca trazer um pouco de storytelling a todos os aspectos da vida, principalmente aos textos que levam sua assinatura.

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.