Domingo, 07 de Junho de 2020
AULA EM CASA

Alunos da rede estadual do AM assistirão aulas por meio de canal de TV e internet

Os alunos terão a oportunidade de acompanhar o conteúdo programático de cada disciplina em casa. A transmissão das aulas será feita pela TV Encontro das Águas, nos canais 2.2, 2.3 e 2.4, e também pela internet por meio de dois aplicativos



show_wilson_123_0466B222-598A-49E4-92FE-09844B8201A4.jpg Foto: Junio Matos
20/03/2020 às 10:57

O Governo do Amazonas anunciou nesta sexta-feira (20) que os alunos da rede estadual da capital e do interior irão assistir às aulas via internet e pela emissora de televisão pública Encontro das Águas, pelos canais 2.2, 2.3 e 2.4. O projeto "Aula Em Casa" possibilitará aos, aproximadamente, 180 mil estudantes a assistirem aulas de acordo com as respectivas séries em que foram matriculados. As aulas presenciais foram suspensas na em toda rede estadual como medida de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19).

A informação foi dada por Wilson Lima durante uma live feita pelo governo no Centro de Mídias de Educação, na sede da Seduc.



Wilson Lima afirmou que as aulas via internet e pela televisão iniciarão na segunda-feira (23). No primeiro dia se ministrará o conteúdo e no dia seguinte serão realizadas atividades.

“Neste fim de semana estaremos realizando testes. Por isso, peço as famílias para já sintonizarem na Tv Encontro das Águas”, declarou o governador.

Conforme explicou o secretário em exercício Luis Fabian Pereira, da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade de Ensino (Seduc-AM), pela televisão, as aulas irão ocorrer pela manhã, tarde e noite.

“No canal 2.2 serão exibidas pela manhã as aulas do 6º ano. E, no mesmo canal no período da tarde, serão aulas para estudantes do 7º ano do ensino fundamental. No canal 2.3 serão aulas do 8º ano pela manhã e 9º ano a tarde. E no canal 2.4 pela manhã, serão transmitidas as aulas referentes ao ensino médio. 1º ano pela manhã, 2º ano pela tarde e 3º ano a noite. As aulas iniciam sempre às 8h, com intervalo às 13h”, pontuou Luis Fabian.

De início, as aulas serão gravadas e, conforme anunciou Wilson Lima, a partir da segunda semana serão aulas ministrada ao vivo.

“A interação com os professores irá ocorrer por meio do app “Mano”.  Tem um aplicativo chamado “Ava”, onde será possível rever as aulas. Tudo será disponibilizado por esses canais. Ao regressarem às salas de aula, os alunos irão passar por uma avaliação para verificar se o conteúdo ministrado foi absorvido”, frisou o governador.

Em alguns casos, para que os canais 2.2, 2.3 e 2.4 estejam disponíveis nas televisões, é preciso que o usuário faça novamente o processo de sintonização automática dos canais de transmissão digital da sua tv. Após feita a nova sintonização, todos os novos canais passam a ficar disponíveis.

Sinteam apoia decisão

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Amazonas (SINTEAM), Ana Cristina Rodrigues, disse que as aulas por meio da TV, anunciadas hoje pelo governador Wilson Lima, são “a melhor alternativa na situação emergencial que estamos vivendo”.

“Não sou contra. Temos que buscar alternativas e a melhor alternativa para que o aluno não se distancie da sequência de conhecimento que ele vinha tendo é poder trabalhar à distância. Não é o ideal, mas com essa questão emergencial é o que temos para evitar qualquer transtorno mais tarde porque nós não sabemos por quanto tempo precisaremos fazer esse isolamento social”, disse.

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.