Segunda-feira, 09 de Dezembro de 2019
SANEAMENTO BÁSICO

Estação de Tratamento de Esgoto é inaugurada na Zona Oeste de Manaus

Estação vai beneficiar diretamente os conjuntos residenciais Ayapuá e Xingu e seus, aproximadamente, 10 mil moradores



_GUA_F891A10D-4137-4CA3-BC60-B516FEF44B25.JPG Foto: Alex Pazuello / Semcom/ Divulgação
31/10/2018 às 20:29

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e o diretor-presidente da Manaus Ambiental, Renato Medicis, inauguraram nesta quarta-feira (31), a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), na avenida Brasil, Zona Oeste, que vai beneficiar diretamente os conjuntos residenciais Ayapuá e Xingu e seus, aproximadamente, 10 mil moradores. A estação possui duas elevatórias de bombeamento de esgoto, dois mil metros de redes coletoras, moderno processo de tratamento com vazão, de 86 metros cúbicos por hora, e capacidade para tratar em torno de 27 litros por segundos.

Essa é a terceira ETE inaugurada desde julho deste ano. Outras 15 ETEs de pequeno porte, instaladas pela cidade, também estão sendo reformadas e serão entregues à população em breve, segundo a Manaus Ambiental. A concessionária de água está dando prioridade à questão do tratamento de esgoto, que tem como meta que 80% da população seja atendida até 2030. O objetivo é promover melhorias na qualidade de vida dos moradores, sobretudo na saúde, na valorização dos imóveis e preservação, evitando a poluição dos recursos hídricos.



“Essa é mais uma obra dessa parceria da Prefeitura de Manaus com a Manaus Ambiental. Nós estamos olhando com muita atenção e eles estão cumprindo a questão das metas, ou seja, nós temos que ter 80% de esgoto até 2030. Nós estamos trabalhando. Eu estou feliz porque desta vez estamos lidando com uma empresa que está cumprindo com o seu trabalho, está dando conta do recado”, afirmou o prefeito.

Além de saneamento básico, a população dos conjuntos habitacionais já recebeu obras de compensação. A Manaus Ambiental investiu mais de R$ 400 mil na revitalização de espaços públicos. Foram construídas uma nova praça de lazer, com academia a céu aberto equipada com aparelhos de ginástica, um campo de futebol e outros benefícios à comunidade, como a construção de guarita, muros e reforma de igreja.

“Estamos renovando 15 unidades de tratamento. Além disso, temos o desafio de melhorar cada vez mais o abastecimento de água. São vários reservatórios que estão sendo construídos na cidade”, observou Renato Medicis.

A partir da próxima semana, segundo a Prefeitura de Manaus, tanto o prefeito Arthur Neto quanto o diretor-presidente da Manaus Ambiental estarão inspecionando as obras de estação de tratamento bem como de novos reservatórios que estão sendo construídos para garantir o abastecimento de água de qualidade para toda a população.

O saneamento básico define um conjunto de procedimentos em tratamento de água e esgoto, drenagens e resíduos sólidos, adotados com o objetivo de proporcionar uma situação higiênica saudável para população. Com essas medidas, é possível garantir a qualidade de vida e a promoção da saúde, evitando assim a proliferação de doenças e ao mesmo tempo a preservação do meio ambiente.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.