Publicidade
Manaus
OUTUBRO ROSA PET

Faculdade realiza exames gratuitos e alerta sobre câncer de mama em animais

Ação acontece em Manaus na próxima sexta-feira (19). Tumores mamários são as lesões mais frequentes em cadelas e a terceira mais recorrente em gatas, segundo o CFMV 14/10/2018 às 11:58
Show whatsapp image 2018 10 14 at 11.33.10 cde6abd8 b884 4e78 bd03 ff211d5c5a6e
Foto: Divulgação
acritica.com Manaus (AM)

Muitas pessoas não sabem, mas os animais de companhia (cães e gatos), assim como os seres humanos, também podem sofrer com doenças como o câncer de mama que atinge, principalmente, cadelas e gatas. Por conta disso, a Faculdade Esbam promove na próxima sexta-feira (19) o “Outubro Rosa Pet”.

A ação é gratuita e acontece as 9h na própria CliniVet da Esbam, localizada a Rua Rodrigues Torres, 292, Conjunto Abílio Nery, no Adrianópolis. Com exames e orientações, o objetivo é chamar a atenção dos responsáveis pelos animais para a avaliação médica no intuito de prevenir contra o câncer de mama nos pets.

O coordenador da Clinica Veterinária da Esbam, o professor Daniel José Hoffmann, alerta para que os donos de cadelas e gatas realizem, frequentemente, o exame de palpação nos animais e, em caso de qualquer sinal de aumento do volume das mamas, levem o seu pet a um veterinário de confiança o mais rápido possível garantindo, assim, um diagnóstico precoce.

"Depois dos tumores de pele, os tumores mamários são os mais frequentes nos pets. Normalmente ocorrem em animais adultos, mas pode acometer animais em qualquer idade. Existem diversas raças predispostas a desenvolver essas neoplasias (tumores)”, explica Daniel Hoffmann, que é Mestre em Ciência Animal pela Universidade Estadual Paulista (Unesp).

O médico veterinário ressalta que, por serem tumores associados a uma influência hormonal, uma das formas de prevenção de câncer de mama é a castração que, quando realizada antes do primeiro cio em cadelas, reduz o risco de desenvolvimento de tumor de mama para 0,05%. Esse risco aumenta para 8% nas cadelas castradas após o primeiro cio e para 26% após o terceiro cio.

Ele chama a atenção também para o uso inadequado de medicamentos contraceptivos nos bichinhos de estimação. “A utilização de contraceptivos em animais de companhia não é indicada e pode resultar no desenvolvimento de neoplasias mamárias. Portanto, se não houver interesse reprodutivo no animal é recomendado realizar a castração de seu pet, proporcionando, assim, uma melhor qualidade de vida a ele”, esclarece Hoffmann.

Gatas em alerta máximo

O alerta principal da campanha “Outubro Rosa Pet” vai para as felinas. De acordo com o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), enquanto nas cadelas os casos diagnosticados em aproximadamente 60% dos tumores de mama são malignos, nas gatas, embora seja menos comum, esse número salta para 90%.

O CFMV enfatiza que os tumores mamários são as lesões mais frequentes em cadelas e a terceira mais recorrente em gatas. Segundo o Conselho, nos últimos anos tem-se verificado um aumento considerável de casos de câncer nessas espécies, e, em alguns casos, levando a óbito.

O coordenador da CliniVet da Esbam, professor Daniel Hoffmann, orienta ainda que os responsáveis pelos animais de estimação que fiquem atentos à saúde de seus “melhores amigos”. “É necessário realizar consultas periódicas para o acompanhamento da saúde do animal e garantir a ele ou a ela, uma vida de qualidade mais prolongada. O diagnóstico precoce aumenta as chances de cura da doença”, recomenda.

Outubro Rosa Pet

O “Outubro Rosa Pet” é um evento realizado anualmente pelo curso de Medicina Veterinária da Escola Superior Batista do Amazonas (Esbam), por meio da Clínica Veterinária (CliniVet) no intuito de chamar a atenção para a saúde dos animais de companhia. Além disso, a ação envolve alunos e professores do curso que atendem, principalmente, a comunidade das redondezas da Faculdade.

“Dessa forma, proporcionamos mais experiência e capacitação aos nossos futuros Médicos Veterinários no diagnóstico e prevenção de câncer de mama”, ressalta o coordenador do curso de Medicina Veterinária da Esbam, o professor José Allan Soares de Araújo.

Todos os anos, durante a ação, a CliniVet da Esbam atende cerca de 80 animais dando orientação e atendimento como forma de combater e prevenir o câncer de mama.

Publicidade
Publicidade