Sábado, 20 de Julho de 2019
Humanidade

Garoto de 15 anos é aprovado em Medicina na UEA cursando 1ª série do Ensino Médio

Jovem conta que acordava todos os dias às 4h para rezar. "Você passar em Medicina é um milagre", disse



rodrigo152_E50E9C25-5AB7-4B6A-9D00-389C7BB30395.JPG Rodrigo Otávio passou duas vezes consecutivas para a faculdade de Medicina na UEA (Foto: Winnetou Almeida)
29/12/2018 às 15:40

O ano de 2018 será inesquecível para o adolescente Rodrigo Otávio Mesquita Palmela Cardoso, considerado um fenômeno ao ser aprovado no vestibular da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) para o curso de Medicina com apenas 15 anos de idade e cursando o 1º ano do Ensino Médio. Para se matricular no ensino superior sua família entrou na Justiça com um mandado de segurança, que tornou possível ele realizar uma prova de pedido de avanço, na qual o aluno pode, mediante aprovação neste teste, finalizar o ensino Médio e obter o certificado de conclusão. Ele foi aprovado e conseguiu, finalmente, ficar livre para se matricular na UEA em janeiro do próximo ano.

Após saber que havia sido aprovado no resultado da UEA divulgado em 4 deste mês, sua família entrou com o mandado, que foi deferido, possibilitando que ele fizesse a prova de avanço da Secretaria de Estado da Educação e Qualidade no Ensino (Seduc) no último dia 17, e o resultado saiu dois dias depois (19).

“Fiquei muito feliz pois com essa aprovação eu tive a sensação de ser recompensado e de ter valido a pena todo o esforço que eu tive, após ter abdicado de tanta coisa nos últimos 10 meses. É um reconhecimento pelo meu esforço próprio, pelos meus próprios méritos. Só tenho que agradecer a Deus que ouviu todas as minhas orações. Esse final de ano foi inesquecível e recompensou todo o meu esforço”, comentou o menino, católico, que acordava todos os dias às 4h para rezar a Deus para que fosse aprovado.

Rodrigo Otávio é oriundo do Projeto Medicina da instituição “Casa do Reforço”, localizada no Dom Pedro, Zona Centro-Oeste. Foi lá que a genialidade do garoto foi moldada, principalmente para o lado profissional. Boa parte das crianças têm o sonho de ser jogador de futebol ou astronauta. Mas com Rodrigo foi diferente: ele queria ser piloto de avião, mas o aprofundar dos estudos o fez querer seguir Medicina na área de neurologia.

“Mas mudei minha concepção ao entrar para a Casa do Reforço, onde vi que poderia ser mais ativo salvando vidas com a Medicina. Descobri um valor profundo e que me sentiria mais completo atuando nessa área do que transportando passageiros”, explica ele que, em 2017, no 9º ano do Ensino Fundamental, já havia sido aprovado para Medicina com 14 anos .

“Graças a Deus não tenho mais com o que me preocupar. A matrícula será só ano que vem e felizmente não há nada que me impeça de ingressar na universidade”, comentou o jovem prodígio amazonense e futuro neurologista.

Pais e professor falam da felicidade da aprovação

Os pais de Rodrigo, o arquiteto e urbanista Ademir Cardoso, 59, e a bióloga Maristela mesquita, 52,  enalteceram a conquista do filho aprovado na UEA. “Pra mim isso é uma dádiva e nos deixa muito orgulhosos dessa vitória. Foi uma coisa que ele quis e se deu bem. Ele batalhou muito se preparando durante dois anos”, comentou o pai.

Rodrigo Otávio, 15, e os pais Ademir Cardoso e Maristela Mesquita (Foto: Winnetou Almeida)

“Você passar em Medicina é um milagre. Ser aprovado duas vezes consecutiva, então. Ainda mais na pública UEA, que é uma das melhores”, contou a genitora.

O professor Klinger Feitoza, fundador da instituição de aulas particulares “Casa do Reforço”, localizada no Dom Pedro, Zona Centro-Oeste, é um dos maiores incentivadores de Rodrigo Otávio e falou com emoção da aprovação do pupilo. “Tenho muita satisfação com essa aprovação do Rodrigo ter vindo com por meio desse trabalho que estamos fazendo no ‘Casa do Reforço’. E há outros jovens iguais a ele”, comentou o mestre.

Receba Novidades

* campo obrigatório

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.