Quinta-feira, 23 de Maio de 2019
PROTESTO

Indígenas fecham Djalma Batista e ocupam sede do MS em ato contra fim da Sesai

Cerca de 400 pessoas protestam contra a proposta do Governo Federal de municipalizar a saúde indígena. Prédio do Ministério da Saúde (MS) é ocupado desde a manhã



WhatsApp_Image_2019-03-26_at_18.48.24_944B39C5-739F-4BA9-B8C4-19FE5BA63981.jpeg
Foto: Gabriel Veras
26/03/2019 às 19:35

Com cantos tradicionais e gritos de ordem, um grupo de aproximandamente 400 indígenas fechou o sentido Centro-bairro da avenida Djalma Batista, próximo ao Amazonas Shopping, na Zona Centro-Sul de Manaus, por cerca de cinco minutos no início da noite desta terça-feira (26). Eles protestavam contra a proposta do governo federal de municipalizar a saúde indígena.

Os manifestantes ocupam a sede do Ministério da Saúde em Manaus, que fica na avenida Djalma Batista, desde a manhã. O grupo prometia voltar a interromper o trânsito ainda hoje, no entanto, as lideranças voltaram atrás para evitar complicações legais.

Os protestos fazem parte da mobilização nacional contra a extinção da Secretaria de Saúde Indígena (Sesai) e continuam amanhã (27) com uma caminhada até a Assembleia Legislativa (ALE-AM).

Segundo Ilair Pereira, 45, coordenador do Conselho Indígena Mura em Autazes, o movimento é pacífico e conta com a compreensão da população. “Nossa intenção não é atrapalhar. Nós só queremos que todos entendam que nossa causa é justa e importante. Nós nos sentimos excluídos pelo Governo Federal”, protestou.

Ato desta quarta-feira (27)

O fechamento da Sesai criticado pelos indígenas foi citado pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, em recentes declarações.

A previsão dos organizadores é que pelo menos 500 índios de participem do ato desta quarta-feira. O grupo deve fazer um ato simbólico no Núcleo Estadual e depois seguir, em caminhada, até a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), na avenida Mário Ypiranga, no bairro Parque Dez.

Na Casa Legislativa, a intenção é chamar a atenção dos deputados para a gravidade do problema.  Segundo eles, caso a Sesai seja fechada, o serviços do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI) serão diretamente afetados.


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.