Sábado, 16 de Novembro de 2019
TRANSFERÊNCIA

Mentores de mortes em presídios do AM são transferidos para presídios federais

Alegando 'questões estratégicas', a Seap não divulgou o destino dos detentos; confira a lista dos nove líderes



WhatsApp_Image_2019-05-28_at_16.18.08_DC4DB0C9-52BA-40FB-B11B-32A0D5A26538.jpeg (Foto: Divulgação)
28/05/2019 às 16:24

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) realizou, no início da tarde desta terça-feira (28/5), a transferência dos primeiros nove detentos identificados como sendo líderes dos assassinatos ocorridos no sistema penitenciário do Estado, no último domingo e segunda-feira (26 e 27/5). Entre domingo e segunda, foram 55 mortes no sistema prisional do Amazonas, sendo 15 no domingo, no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, e mais 40 na segunda, em quatro unidades de Manaus. 

A transferência dos detentos para presídios federais de segurança máxima foi uma resposta à solicitação do governador do Amazonas, Wilson Lima, ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.



A Seap informa ainda que, por questões estratégicas, não pode divulgar o destino dos detentos neste momento.

O Gabinete de Crise envolvendo órgãos do sistema de segurança do Estado está reunido neste momento, sob a liderança do governador Wilson Lima, no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), para definir outras medidas para o sistema prisional do Estado.

Veja os nomes dos líderes abaixo.

DETENTOS TRANSFERIDOS NESTA TERÇA-FEIRA (28/05)  

1.Rivelino de Melo Muller

2.Adriano Silva Monteiro

3.Janes do Nascimento Cruz

4.Jane da Silva Santos

5. Bruno Souza Carvalho

6. Anderson Gustavo Ferreira da Silva

7. Lucirle Silva da Conceição

8. Adeilton Gonçalves da Silva

9. Felipe Batista Ribeiro

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.