Publicidade
Manaus
DUPLO HOMICÍDIO

Polícia afirma ter suspeito de matar idosa e sobrinho em casa no Hiléia

Esse é o segundo crime que acontece na casa. De acordo com a irmã de Alexsandro Mateus Araújo, 31, no imóvel o avô do vendedor também foi morto 05/12/2018 às 15:46 - Atualizado em 06/12/2018 às 08:36
Show v timas eb8efb6a 5424 4f91 90ce c673ed0049a2
Foto: Divulgação
Márcia Monteiro Manaus (AM)

A Delegacia Especializada em Roubos e Furtos (Derf) está desde o início da manhã em diligências no conjunto Hiléia, no bairro da Redenção, na Zona Centro-Oeste de Manaus, onde ocorreu na noite de ontem (4) o duplo homicídio do vendedor Alexsandro Mateus Araújo de Lima, de 31 anos, e sua tia, a aposentada Arlete Pinheiro de Araújo, 70. Os dois foram encontrados nus e com as cabeças esmagadas no banheiro do imóvel. 

A Polícia Civil já tem informações sobre um possível suspeito, mas preferiu não informar mais detalhes do caso.

Ismael Gomes, amigo da vítima, relatou que o corpo foi encontrado por um amigo de trabalho do vendedor, que achou estranho Alexsandro não ter comparecido ao expediente e foi até a residência. Ele teria pulado o muro e encontrado Alexsandro com marcas de agressão, golpes de faca e a cabeça esmagada. A tia da vítima teria sido encontrada em outro cômodo da casa.

Segundo Ismael, Alexsandro era universitário da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), muito vaidoso e era criado pela tia desde criança. Arlete era evangélica e muito conhecida no conjunto.

Esse é o segundo crime macabro que aconteceu na casa. De acordo com a irmã de Alexsandro, Marizete Araújo, no imóvel ocorreu o latrocínio do avô do vendedor, que foi degolado com um fio de ventilador.

A casa é uma das poucas da rua que não possui monitoramento, mas a polícia deverá usar as imagens das câmeras das residências vizinhas.

Publicidade
Publicidade