Sábado, 15 de Agosto de 2020
ABERTURA

Com emoção e grandioso, Garantido abre o Festival Folclórico 2019

Boi-bumbá Garantido surgiu no meio da galera após discurso emocionado de filha de Lindolfo Monteverde; Lenda Sete Espíritos chamou atenção por alegoria gigantesca



28/06/2019 às 20:29

Com um discurso emocionado de Maria do Carmo Monteverde, filha de Lindolfo Monteverde, criador do boi Garantido, e com o bumbá no meio da galera vermelha e branca. Foi assim que o Garantido deu início ao espetáculo Nós, O Povo, que abre o Festival Folclórico de Parintins 2019.

Ao lado do Garantido, no meio da galera, o apresentador Israel Paulain entoou os versos de ‘Meu Nome é Povão’, que apresenta o bumbá como um boi do povão, perreché, a herança de Lindolfo Monteverde. Enquanto a primeira alegoria era montada - da Lenda Curupira - Sete Espíritos, a tradicional contagem comandada por Paulain deu o tom de animação da galera vermelha e branca. 



Dentro da temática 'Boi das Lutas do Povo', o Garantido apresentou como primeira Lenda Amazônica o Curupira, o defensor da Amazônia retratado na toada 'Sete Espíritos'. A lenda chamou atenção pela dimensão e mobilidade da alegoria do artista Roberto Reis. As tribos participaram de maneira significante no retrato da lenda, que é uma das principais apostas do Garantido nesta primeira noite.  Representando a Mãe Natureza, protegida pelo Curupira, a cunhã Isabelle Nogueira entrou em cena, evoluindo ao final da Lenda. 

News portal1 841523c7 f273 4620 9850 2a115840b1c3
Jornalismo com credibilidade

Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.