Quinta-feira, 20 de Junho de 2019
JURADO

Bilhete encontrado em mala na Compensa traz ameaça a filho de líder da FDN

Luciano da Silva Barbosa, conhecido como "L7", é filho de Zé Roberto. Mala com corpo esquartejado foi encontrada junto com um bilhete de aviso sobre "próximo" da lista



WhatsApp_Image_2018-07-20_at_20.18.53.jpeg Foto: Divulgação
20/07/2018 às 22:35

Um recado deixado em uma mala onde estava o corpo de um homem esquartejado, na noite desta sexta-feira (20), jura de morte Luciano da Silva Barbosa, o “L7”, filho de um dos líderes da facção criminosa Família do Norte (FDN).

O bilhete, sem correções ou pontuação, traz o seguinte recado: “-1 formiguinha safado. Luciano Safado Talarico próximo e L7, Batoré”. 

“Formiguinha”, no caso, é Janderson Rosário Souza, que estava esquartejado dentro da mala. Segundo seu irmão, Jardson Rosário, ele vendia drogas.

Luciano “L7” é filho do chefe da maior facção do Amazonas - e uma das maiores do país. Atualmente Luciano está preso, no Presídio Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. 

De acordo com um policial militar, presente na cena do crime onde a mala foi encontrada, e que fez a interpretação exata do bilhete, confirmando Luciano como “talarico”. A gíria se refere a quem se envolve com a mulher de outra pessoa. Sobre "Batoré", ele não repassou informações.

Corpo na mala

Por volta de 19h da noite desta sexta-feira (20), um carro de modelo Vectra, preto, abandonou uma mala na rua São Pedro, no bairro Compensa, na Zona Oeste de Manaus. Dentro da mala estava, esquartejado, Janderson Rosário Souza, de 23 anos.

Receba Novidades


Mais de Acritica.com

Sobre Portal A Crítica

No Portal A Crítica, você encontra as últimas notícias do Amazonas, colunistas exclusivos, esportes, entretenimento, interior, economia, política, cultura e mais.