Publicidade
Parintins
UNIÃO

Pela arte e por todos: equipe do Garantido é essencial em resgate a alegoria do Caprichoso

Manhã desta quinta-feira foi marcada por grande incêndio na Praça dos Bois. Ao conter o incêndio, trabalhadores dos dois bois se abraçaram e emocionaram juntos após parceria em trabalho 28/06/2018 às 11:30 - Atualizado em 28/06/2018 às 12:27
Show  mg 4958
Foto: Euzivaldo Queiroz
Isabella Pina Parintins (AM)

Era aproximadamente 10h20 da manhã desta quinta-feira (28) quando uma fagulha deu início a grande incêndio em uma das principais alegorias do Boi Caprichoso, na Praça dos Bois. Enquanto trabalhadores ainda estavam presos à alegoria ao lado, funcionários do Garantido, que trabalhavam no local, foram os primeiros a chegar para prestar socorro.

Os dois bois, “pela arte”, se uniram pelo bem maior do festival, segundo o diretor-executivo e artista plástico do Caprichoso, Juarez Lima. O fogo foi contido pelos próprios trabalhadores e artesãos. Os Bombeiros só chegaram ao local cerca de 20 minutos depois do início do incêndio, conforme trabalhadores de ambos os bumbás. 

“Ficamos feliz em saber que, quando o fogo pegou, o grupo do Garantido veio, a rivalidade se esqueceu, porque tem o sentimento da arte”, disse Juarez.

Um pintor do Garantido, Fred Costa, contou a reação da frente de trabalho do Boi Vermelho no instante que os gritos de socorro iniciaram. “Estávamos fazendo ajuste em uma das nossas alegorias quando começamos a ouvir os gritos do outro lado (da Praça). E a fumaça apareceu. Todo mundo largou seus instrumentos, jogamos tudo no chão, do jeito que estava mesmo. Nessas horas não tem diferença. Somos todos trabalhadores. Estamos todos na mesma situação. São nossos irmãos, e eles precisavam”, conta.

Em um registro do repórter fotográfico do A Crítica, Euzivaldo Queiroz, é marcante a imagem de um trabalhador do Garantido, uniformizado, “invadindo” a alegoria ao lado para ajudar no resgate dos funcionários que estavam presos no topo.

Após a contenção do incêndio, os artistas e trabalhadores dos bois se reuniram em grande abraço, em momento de muita emoção, para comemorar e agradecer a parceria, deixando toda e qualquer diferença de lado. Era possível ouvir gritos de agradecimento e união em unísssono. "Isso aqui é artista". "Isso é Parintins, está todo mundo junto".

Emoção

Claramente emocionado, o presidente do Caprichoso, Babá Tupinambá agradeceu o apoio e a união dos trabalhadores do Garantido. Ele chorou enquanto fez a promessa de que irá, pessoalmente, agradecer a equipe.

“O contrário veio aqui com a gente. Isso mostra que o festival e a festa estão acima de tudo. Acima de cores. Eles vieram e ajudaram a gente, e eu sou muito grato a eles. Mais tarde eu vou lá agradecer pessoalmente. Desde já eu queria agradecer todas as pessoas e equipe do contrário que vieram”.

Publicidade
Publicidade